Câmara de Rio Claro com 21 vereadores por Ibrahim Cesar - publicada em 21. 7. 2011 - atualizada 14h17 | 1 comentário Como seria a Câmara de Rio Claro se ela tivesse 21 vereadores? Motivo de acalorada discussão na cidade de Rio Claro, conheça quem seriam os candidatos eleitos
Opções
a- / 
a+
Comentar

Indicar

Imprimir

Achei um erro

Calixto, Rael Bike, Gijo, Pedro Lopes, Roberta do Gada, Paulo Guedes, Geraldo Voluntario, Zil Cervezão e Tenente Marcos ocupariam as cadeiras caso cenário de 2008 tivesse 21 cadeiras

Ser eleito vereador não depende apenas do número de votos recebidos. Depende de uma complexa matemática que leva em consideração o chamado coeficiente partidário, que se alteraria com a mudança para 21 vagas no legislativo. Como proposta, a mudança para o próximo ano, motivou muito debate entre a população e na própria Câmara.

Hoje os 12 vereadores que representam os cidadãos na Câmara de vereadores de Rio Claro são Maria do Carmo Guilherme (PMDB), Valdir Andreeta (PR), Sérgio desiderá (PT), Raquel Picelli (PT), Juninho da Padaria (PR), Sivaldo Faisca (PTB), Pereira (PTB), Julinho Lopes (PP), Dra. Monica (DEM), Ricardo Campeao (PMDB), Sergio Carnevale (DEM) e Pitico do Bar (PMDB).

Em 2008 tivemos 130.687 votos válidos.  O Coeficiente eleitoral (QE) de 12 vereadores: (130.687/12) = 10.890,58 . Se naquela eleição tivessemos 21 vereadores, o mesmo número de votos válidos seria dividido por este número, portanto 130.687/21= 6.223,19.

Quociente Partidário (QP) para 21 vereadores de acodo com as Coligações Eleitorais seriam PSDC/PMDB 15440 votos/6.223,19 (CE) = 2,48, ou 2 candidatos eleitos (Maria do Carmo Guilherme e Ricardo Campeao). PR/PSC 14659 votos/6.223,19 (CE) = 2,35 ou 2 candidatos eleitos (Valdir Andreeta e Juninho da Padaria).

PTC/PTB 13504 votos/6.223,19 (CE) = 2,16 ou 2 candidatos eleitos (Sivaldo Faisca e Pereira). DEM/PRB 12440 votos/6.223,19 (CE) = 1,99 ou 1 candidato eleito (Dra. Monica). PT/PC do B 10305 votos/6.223,19 (CE) = 1,65 ou 1 candidato eleito (Sérgio Desiderá).

PP/PRTB 9441 votos/6.223,19 (CE) = 1,51 ou 1 candidato eleito (Julinho Lopes). PV/PPS 8323 votos/6.223,19 (CE) = 1,33 ou 1 candidatos eleitos (Paulo Guedes, que não faz parte da Câmara com a formação de 12 cadeiras)

PSDB/PMN 7718 votos/6.223,19 (CE) = 1,24 ou 1 candidato eleito (Rael Bike, que ganharia a representatividade em um contexto de 21). PHS/PDT 5446 votos/6.223,19 (CE) = 0,87, PSB 3027 votos/6.223,19 (CE) =0,48  e PRP 954 votos/6.223,19 (CE) = 0,15 continuariam sem eleger candidatos pelo quoeficiente eleitoral.

Onze candidatos eleitos pelo QE, notem que ainda sobraram 10 cadeiras, que seriam distribuídos aos partidos. Os partidos PRP, PSB e PHS/PDT não alcançaram o quociente eleitoral, não concorreriam à distribuição de lugares (art. 109, § 2º, do Código Eleitoral).

Distribuição das sobras de lugares não preenchidos pelo quociente partidário. Dividir a votação de cada partido pelo nº de lugares por ele obtidos + 1 (art. 109, nº I do Código Eleitoral). Ao partido que alcançar a maior média, atribui-se a 1ª sobra.

PSDC/PMDB 15440/3 (2 + 1)= 5146*

PR/PSC 14659/3 (2 + 1)= 4886*

PTC/PTB 13504/3 (2 + 1)= 4501*

DEM/PRB 12440/2 (1 + 1)= 6220 *

PT/PC do B 10305/2 (1 + 1)= 5152 *

PP/PRTB 9441/2 (1 + 1)= 4720 *

PV/PPS 8323/2 (1 + 1)= 4161 *

PSDB/PMN 7718/2 (1 + 1)= 3859

Desta forma:

1) Elege Sérgio Carnevale (DEM)

Recalculando para DEM/PRB, pois agora tem 2 eleitos.

DEM/PRB 12440/3 (2 + 1)= 4146 *

2) Elege Raquel Picelli (PT)

Recalculando para PT/PC do B, pois agora tem 2 eleitos.

PT/PC do B 10305/3 (2 + 1)= 3435

3) Elege Pitico do Bar (PMDB)

Recalculando para PSDC/PMDB, pois agora tem 3 eleitos.

PSDC/PMDB 15440/4 (3 + 1)= 3860

4) Elege Gijo (PR)

Recalculando para PR/PSC, pois agora tem 3 eleitos.

PR/PSC 14659/4 (3 + 1)= 3664

5) Elege Pedro Lopes (PP)

Recalculando para PP/PRTB, pois agora tem 2 eleitos.

PP/PRTB 9441/3 (2 + 1)= 3147

6) Elege Roberta do Gada (PTB)

Recalculando para PTC/PTB, pois agora tem 3 eleitos.

PTC/PTB 13504/4 (3 + 1)= 3376

7) Elege Paulo Guedes (PPS)

Recalculando para PV/PPS, pois agora tem 2 eleitos.

PV/PPS 8323/3 (2 + 1)= 2774

8) Elege Geraldo Voluntario (DEM)

Recalculando para DEM/PRB, pois agora tem 3 eleitos.

DEM/PRB 12440/4 (3 + 1)= 3110

9) Elege Zil Cervezao (PMDB)

Recalculando para PSDC/PMDB, pois agora tem 4 eleitos.

PSDC/PMDB 15440/5 (4 + 1)= 3088

10) Elege Álvaro Camarinha (PSDB)

Recalculando para PSDB/PMN, pois agora tem 2 eleitos.

PSDB/PMN 7718/3 (2 + 1)= 2572

Portanto os eleitos, na hipótese da regra de 21 vereadores com os candidadtos de 2008 seriam:

  • Maria do Carmo Guilherme
  • Ricardo Campeao
  • Valdir Andreeta
  • Juninho da Padaria
  • Sivaldo Faisca
  • Pereira
  • Dra. Monica
  • Sérgio desiderá
  • Julinho Lopes
  • Sérgio Carnevale
  • Raquel Picelli
  • Pitico do Bar
  • Rael Bike
  • Gijo
  • Pedro Lopes
  • Roberta do Gada
  • Paulo Guedes
  • Geraldo Voluntario
  • Zil Cervezão
  • Álvaro Camarinha

Em destaque, os novos ocupantes das cadeiras. A Câmara de Rio Claro já contaria com a pecularidade de ter dois irmãos no legislativo (Julinho e Pedro Lopes). Discussão sobre o aumento para 21 vereadores continua na Câmara e na sociedade.

Atualização de 22 de julho, às 10 horas:

A simulação hipotética não havia considerado apenas os votos válidos, como deve ser feita, a diferença entre os votos alteraria esta divisão, que com a conta correta ficaria:

Total de eleitores: 130.687 - 31764 = 98923 votos válidos.

Quociente eleitoral (QE) 98923/21=4.710,61

Quociente Partidário (QP) para 21 vereadores

PSDC / PMDB 15440/4.710,61= 3,27 - 3 eleitos (Maria do Carmo Guilherme, Ricardo Campeão, Pitico do Bar)
PR / PSC 14659/4.710,61= 3,11 - 3 eleitos (Valdir Andreeta, Juninho da Padaria, Gijo)
PTC / PTB 13504/4.710,61= 2,86 - 2 eleitos (Sivaldo Faisca, Pereira)
DEM / PRB 12440/4.710,61= 2,64 - 2 eleitos (Dra. Monica, Sérgio Carnevale)
PT / PC do B 10305/4.710,61= 2,18 - 2 eleitos (Sérgio Desiderá, Raquel Picelli)
PP / PRTB 9441/4.710,61= 2,04 - 2 eleitos (Julinho Lopes, Pedro Lopes)
PV / PPS 8323/4.710,61= 1,76 - 1 eleitos (Paulo Guedes)
PSDB / PMN 7718/4.710,61= 1,63 - 1 eleitos (Rael Bike)
PHS / PDT 5446/4.710,61= 1,15 - 1 eleitos (Calixto)
PSB 3027/4.710,61= 0,64 - 0 eleitos ()
PRP 954/4.710,61= 0,20 - 0 eleitos ()

Dezessete candidatos eleitos, notem que ainda sobrariam 4 cadeiras. Os partidos PRP e PSB não alcançaram o quociente eleitoral, não concorrem à distribuição de lugares (art. 109, § 2º, do Código Eleitoral).

A distribuição das sobras de lugares seria:

PSDC / PMDB 15440/4 (3 + 1)= 3860
PR / PSC 14659/4 (3 + 1)= 3664
PTC / PTB 13504/3 (2 + 1)= 4501
DEM / PRB 12440/3 (2 + 1)= 4146
PT / PC do B 10305/3 (2 + 1)= 3435
PP / PRTB 9441/3 (2 + 1)= 3147
PV / PPS 8323/2 (1 + 1)= 4161
PSDB / PMN 7718/2 (1 + 1)= 3859
PHS / PDT 5446/2 (1 + 1)= 2723

1) Elege Roberta do Gada (PTB)
PTC / PTB 13504/4 (3 + 1)= 3376

2) Elege Tenente Marcos (PPS)
PV / PPS 8323/3 (2 + 1)= 2774

3) Elege Geraldo Voluntário (DEM)
DEM / PRB 12440/4 (3 + 1)= 3110

4) Elege Zil Cervezão (PMDB)
PSDC / PMDB 15440/5 (4 + 1)= 3088

Eleitos seriam

Maria do Carmo Guilherme
Ricardo Campeão
Pitico do Bar
Valdir Andreeta
Juninho da Padaria
Gijo
Sivaldo Faisca
Pereira
Dra. Monica
Sérgio Carnevale
Sérgio Desiderá
Raquel Picelli
Julinho Lopes
Pedro Lopes
Paulo Guedes
Rael Bike

Calixto
Roberta do Gada
Tenente Marcos
Geraldo Voluntario
Zil Cervezao

Fonte dos cálculos: Renato Hoffman em discussão no Facebook.

Tem mais informações sobre esta asunto? Partilhe sua experiência. Seja um Repórter!
Comentar
Indicar
Imprimir
Achei um erro
Indicar


Comentários
por José Rosa Garcia em 21/07/2011 - 16:10
Denunciar abuso
Cálculo interessante
No terreno das hipóteses, o cálculo é interessante. Na prática, porém, precisamos levar em conta que, com 21 cadeiras, o número de candidatos aumentaria consideravelmente e isso poderia mudar a distribuição dos votos entre os partidos. Além disso, ao relacionar os nomes, o Paulo Guedes foi mencionado entre os eleitos e os eleitos por média.
Denunciar Abuso
Comentar no Guia
Para comentar essa matéria é preciso ser um leitor cadastrado.
PUBLICIDADE - Anuncie aqui.